Cursos

FutureLearn: 10 cursos para profissionais de monitoramento e métricas com inscrições abertas

“Quanto custa um bom curso de mídias sociais?” é uma pergunta frequente nos grupos sobre social media do Facebook. De alguns anos pra cá, vários cursos têm se consolidado no mercado enquanto referências para profissionais começando ou buscando capacitação em diferentes campos de mídias sociais – destaco aqui o Quero Ser Social Media e o Atlas Media Lab, além do novato IBPAD – e isso é ótimo para a nossa área. No entanto, embora o mapeamento que eu tenha feito no Estudando Social Media tenha resultado em ótimas experiências enquanto aluno, posso dizer que há boas oportunidades também para aqueles que não conseguem desembolsar tanta grana para cursos livres sobre monitoramento, data intelligence, etc. – ou para quem simplesmente deseja expandir seus conhecimentos.

No primeiro post que fiz sobre o também primeiro curso que estou fazendo no FutureLearn, contei um pouco sobre o site: trata-se de uma plataforma de MOOCs (Massive Open Online Course), um ambiente virtual de educação à distância que oferece diversos cursos gratuitos para pessoas de todos os níveis de graduação. As aulas são liberadas semanalmente e os alunos podem concluir os estudos no seu tempo – a única implicação (além de perder a discussão com os colegas) é que aqueles que desejam fazer a inscrição têm apenas até a última semana “oficial” a partir do início do curso para que assim a faça. Portanto, para ninguém perder boa oportunidades, separei alguns cursos sobre big data, data analysis, social media e marketing digital que achei que poderiam ser úteis para profissionais de monitoramento e métricas – mas também para quem trabalha com social media de uma maneira geral.

Embora não tenha realizado nenhum dos cursos abaixo, tenho algumas considerações (e indicações mais veementes) a fazer: 1) os três primeiros cursos fazem parte do programa Big Data Analytics da Queensland University of Technology (QUT), mesma universidade que ofereceu o curso de Social Media Analytics que estou fazendo; 2) o curso de linguística de corpus é altamente recomendado pelo Tarcízio Silva; 3) por fim, é a terceira turma do curso da UCL com Daniel Miller e cia. sobre antropologia da social media este ano, provavelmente a última – vamos todos fazer juntos?. Vale ratificar que há diferentes níveis de aprendizado e conhecimento antes mesmo de começar cada um dos cursos – os seis primeiros, por exemplo, exigem do aluno um repertório maior e mais aprofundado sobre estatística, programação, etc. – mas tem para todos os gostos!

  • Big Data: Statistical Inference and Machine Learning
  • QUEENSLAND UNIVERSITY OF TECHNOLOGY
  • Data de início: 5 de setembro de 2016
  • Resumo: “Everyone has heard of big data. Many people have big data. But only some people know what to do with big data when they have it. So what’s the problem? Well, the big problem is that the data is big—the size, complexity and diversity of datasets increases every day. This means that we need new technological or methodological solutions for analysing data. There is a great demand for people with the skills and know-how to do big data analytics.”
  • Big Data: Mathematical Modelling
  • QUEENSLAND UNIVERSITY OF TECHNOLOGY
  • Data de início: 5 de setembro de 2016
  • Resumo: “Have you ever wondered how mathematics can be used to solve big data problems? This course will show you how. Mathematics is everywhere, and with the rise of big data it becomes a useful tool when extracting information and analysing large datasets.”
  • Big Data: Data Visualisation
  • QUEENSLAND UNIVERSITY OF TECHNOLOGY
  • Data de início: 31 de outubro de 2016
  • Resumo: “Data visualisation is an important visual method for effective communication and analysing large datasets. Through data visualisations we are able to draw conclusions from data that sometimes are not immediately obvious, and interact with the data in an entirely different way.”
  • BÔNUSBig Data: from Data to Decisions – última semana para se inscrever!
  • Data Tells a Story: Reading Data in the Social Sciences and Humanities
  • LOUGHBOROUGH UNIVERSITY
  • Data de início: 5 de setembro
  • Resumo: “Over the past years, more and more people have turned to data for help. Huge amounts of data are collected every day from millions of sources. This data has a lot to tell us! But data by itself is mute—it can only help us if we learn to make it speak and tell its story. In this short free online course, we will introduce basic ideas about collecting data, and techniques for turning data into information we can use.”
  • Data to Insight: an Introduction to Data Analysis
  • UNIVERSITY OF AUCKLAND
  • Data de início: 3 de outubro de 2016
  • Descrição: “The course focuses on data exploration and discovery, showing you what to look for in statistical data, however large it may be. We’ll also teach you some of the limitations of data and what you can do to avoid being misled. We use data visualisations designed to teach you these skills quickly, and introduce you to the basic concepts you need to start understanding our world through data.”
  • Learn to Code for Data Analysis
  • OPEN UNIVERSITY
  • Data de início: 10 de outubro de 2016
  • Descrição: “This hands-on course will teach you how to write your own computer programs, one line of code at a time. You’ll learn how to access open data, clean it and analyse it and to produce visualisations. You will also learn how to write up and share your analyses, privately or publicly.”
  • Corpus Linguistics: Method, Analysis, Interpretation
  • LANCASTER UNIVERSITY
  • Data de início: 26 de setembro
  • Resumo: “The course aims to: equip those taking the course with skills necessary for collecting and analysing large digital collections of text (corpora); provide educational support for those who want to use the corpus method; demonstrate the use of corpus linguistics in the humanities, especially History; give a sense of the incredibly wide uses that corpora have been put to; allow those with an interest in language, who have not heard of the corpus approach before, a new way of looking at language; demonstrate that corpus approaches to social science can offer valuable insight into social reality by investigating the use and manipulation of language in society.”
  • Why We Post: the Anthropology of Social Media
  • UCL (UNIVERSITY COLLEGE LONDON)
  • Data de início: 31 de outubro de 2016
  • Descrição: “This free online course is based on the work of nine anthropologists who each spent 15 months in fieldsites in Brazil, Chile, industrial and rural China, England, India, Italy, Trinidad and Turkey.”
  • Digital Marketing: Challenges and Insights
  • UNIVERSITY OF SOUTHAMPTON
  • Data de início: 17 de outubro de 2016
  • Descrição: “This short course introduces you to exciting new concepts and applications of digital marketing. It takes an informal “story telling” approach, encouraging you to share your own stories as consumers and/or marketers for the benefit of the learner group as a whole.”
  • Online Business: Digital Marketing for Success
  • RMIT UNIVERSITY
  • Data de início: 21 de novembro de 2016
  • Descrição: “This free online course will introduce you to the rapidly evolving world of digital marketing and the role it plays in driving awareness and sales for online businesses. We will go on a customer journey together, to discover how people use digital to search, engage, review and buy.”
Tags:

4 comentários

  1. Ahhh que legal Pedro. Vlw 😉

  2. Obrigado por postar esses links, Pedro.

    Sou estudante de Sistemas Para Internet mas devido a um estágio que tenho comecei a me interessar por social media porém devido a tempo e dinheiro não posso me dedicar, ainda, a cursos presenciais então ter a oportunidade de fazer cursos online é algo que não posso perder. Dos cursos que você disponibilizou no post, o melhor para quem quer começar a ter uma noção da área seria o “Why We Post”, certo?

    Agradeço sua resposta e ,novamente, a postagens dos cursos.

    1. Oi, Lucas! Por nada. 🙂

      Olha, na verdade, o curso “Why We Post” é bem mais teórico, acadêmico. É uma perspectiva antropológica de social media. Pelo que você falou, seu interesse no assunto veio por um motivo prático de estágio, certo? Nesse caso, sugiro que dê uma olhada nos próprios conteúdos gratuitos que comentei em algumas postagens aqui do blog. Caso esteja interessado em fazer um curso online pago, recomendo muito os do QSSM (http://querosersocialmedia.com.br/categoria-curso/online/) – eles têm professores extremamente qualificados e uma equipe muito atenciosa que se preocupa bastante com o aprendizado dos alunos. Eu fiz um curso presencial deles “Mídia Social de Ponta a Ponta” no RJ que gostei muito, e registrei um pouco do que aprendi lá numa série de posts: http://insightee.com.br/blog/tag/quero-ser-social-media/

      Você também pode dar uma olhada na página Slideshares aqui do blog (ali em “Para estudo”) que tem uma lista com as contas de vários profissionais referência na área. É bom saber, desde início, que o universo de mídias sociais é bastante amplo. Nos Slideshares do Tarcízio Silva, Mariana Oliveira e Gabriel Ishida, por exemplo, você encontra bastante material sobre monitoramento e métricas (inclusive de cursos que eles já deram); no do Fábrio Prado Lima, tem bastante sobre Facebook Ads; na Liliane Ferrari e Dani Rodrigues você encontra conteúdos sobre relacionamento, planejamento e conteúdo – e assim vai!

      Qualquer coisa pode me chamar no Facebook que estou à disposição para ajudar com o que eu puder!

      E agradeço pelo comentário! 😀

      1. Muito obrigado por responder e indicar o material, Pedro! Como meu interesse na área ainda está surgindo sempre fico meio perdido em relação por onde devo começar mas pode deixar que vou dar umas olhadas nos links que você recomendou e quando puder fazer um curso pago. Te sigo no Twitter, qualquer coisa te chamo lá haha!

        Brigadão!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.